Saturday, 19 April 2014

Cerimônia de homenagem à memória de John Stow

A cada três anos, uma cerimônia de ação de graças é realizada na igreja de St Andrew Undershaft para comemorar a vida e obra de John Stow, Elizabethan (do reinado da Rainha Elizabeth I) antiquário, historiador e autor da Survey of London (1598).

www.geograph.co.uk
John Stow é lembrado na igreja de St Andrew Undershaft, a paróquia que ele pertencia, em um monumento onde está segurando uma caneta de pena de ganso. Nesta cerimônia a pena é substituída por uma nova a qual é trazida em cima de uma almofada de cetim branco e um sermāo é dito em homenagem à vida dele e seu trabalho.
St Andrew Undershaft, está localizada em St Mary Axe, ao lado edifício Swiss Re, também conhecido como The Gherkin. Esta igreja do século 16 é, normalmente, fechada ao público. Não é especialmente ilustre como uma igreja antiga, mas é digna de nota por uma série de razões: é uma das poucas igrejas sobreviventes ao Grande Incêndio de Londres, a Blitz e uma bomba do IRA em 1992.
Este ano, juntei-me às multidões entusiasmadas para testemunhar o Lord Mayor of London colocar na mão de John Stow uma nova pena.
Stow era alfaiate, nascido em 1525, que se esforçou e batalhou para se manter, enquanto escrevia sua épica Survey of London, entre 1560 e 1598, descrevendo as ruas, os edifícios, a história, a cultura e as pessoas de sua cidade.  Durante sua vida, a população de Londres quadruplicou, passando de 50.000 para 200.000, e ele viu as igrejas serem saqueadas, os seus monumentos roubados e os nomes dos mortos apagados dos brazões medievais.
Através de sua escrita, ele procurou preservar a memória do mundo que via passando e, ao fazer isso, criou o registro mais completo que temos de Londres medieval e renascentista. Stow é, muitas vezes, referido como o Pai da História de Londres.
O monumento em alabastro de John Stow foi colocado contra a parede no canto da igreja por sua viúva após sua morte em 1605, apenas seis anos depois da publicação da grande Survey, com o intuito de ser sempre lembrado.
Desta maneira John Stow senta eternamente confortavelmente em seu cubículo, num canto tranquilo de St Andrew Undershaft, perdido em pensamentos, com um grande livro aberto à sua frente. Stow escreve em silêncio e ninguém sabe o que está escrevendo. Agora ele tem uma nova pena para mantê-lo por mais alguns anos e, depois de quatro séculos, quem sabe ele possa completar um outro volume da sua Survey of London!

No comments:

Post a Comment